4 de agosto de 2010

Blockade Billy


O livro é composto de dois contos. O primeiro, que dá título ao livro, é Blockade Billy. Trata de um técnico de beisebol relatando ao King a história de Blockade Billy, um jogador brilhante, mas que foi apagado da memória do beisebol. E no final descobrimos o motivo... Eu gostei desse conto, porém não entendi as partes que relatavam os jogos de beisebol, pois não entendo nada sobre esse esporte. Mas, sendo escrito pelo Stephen King, vale a pena ler.

O segundo conto se chama Morality. Seus personagens, Nora e Chad, são o típico casal americano. Chad trabalha como professor substituto em uma escola e escreve um livro em suas horas vagas, enquanto Nora trabalha de enfermeira home-care. Ambos estão atolados em dívidas. Até que um dia, um idoso de quem Nora cuida lhe faz uma proposta: se ela realizar uma tarefa para ele, ganhará 200 mil dólares. O que ela não sabe é que essa tarefa lhe custará muito mais que isso.

Ao contrário das histórias do King que costumo ler, essas duas não tem nada de sobrenatural. Porém, também não é necessário, pois os contos mostram que simples seres humanos podem dar medo.

Esse pequeno livro de 132 páginas contrasta com os "tijolos" que o Stephen King costuma escrever. Porém, sendo do meu autor favorito, não podia deixar de tê-lo em minha coleção. Comprei-o em inglês porque foi lançado este ano e ainda não tem tradução. Alguma editora se habilita?

Um comentário:

  1. Realmente, o ser-humano por si só pode ser muito assustador. Morality é fenomenal!!! Blockade também é bom, mas também não entendo nada de baseball então fiquei viajando em algumas partes hahahahah Ótima resenha!!

    ResponderExcluir

Olá!
Agradeço muito pelo seu comentário!
Logo irei retribuir sua visita. :)

(Comentários que não estejam relacionados à postagem e contenham apenas propaganda serão excluídos)

Related Posts with Thumbnails