31 de outubro de 2010

A Auto-Estrada

A Auto-Estrada é mais um romance que Stephen King assinou, originalmente em 1981, sob o pseudônimo Richard Bachman.

O livro acompanha Bart Dawes e ele está muito nervoso: a construção de uma auto-estrada fará com que perca seu emprego na lavanderia Blue Ribbon, em que trabalha há muitos anos, e com que tenha que se mudar de sua casa. Isso, somado a perda de seu filho Charlie para um câncer, faz com que Bart enlouqueça lentamente e comece a planejar uma vingança contra os construtores da auto-estrada.

Apesar de eu ser fã do Stephen King desde que eu tinha doze anos, esse livro não me empolgou. A história começa muito devagar, e quando achei que ia melhorar (lá pela página 150), ela volta a empacar. Pelo menos o final não decepciona.

Capa da publicação original e da republicação já com o nome de Stephen King:


3 comentários:

  1. ei Sora, eu nunca li nada do Stephen, mas tenho vontade de ler e saber porque ele é tão bom como dizem, rsrsrs.
    Mas quando for ler algo dele não irei começar por esse para não me decepcionar. =)
    beijos.

    ResponderExcluir
  2. O enredo em si realmente não é lá aquelas coisas, mas como, pra mim, o Stephen é mestre em criar personagens totalmente reais, esse livro não chega a ser ruim. As emoções do personagem principal são tão reais que chega meio a ser contagioso. Acho que na verdade o único livro dele que eu não gostei foi A Incendiária.

    ResponderExcluir
  3. Primeiro livro que leio do autor e gostei bastante, talvez por que não ia com expectativa alguma. Vejo o pessoal falando que ele é um dos mais fracos do autor, então mal posso esperar pelo melhor.

    Adorei o seu blogue. Bju

    ResponderExcluir

Olá!
Agradeço muito pelo seu comentário!
Logo irei retribuir sua visita. :)

(Comentários que não estejam relacionados à postagem e contenham apenas propaganda serão excluídos)

Related Posts with Thumbnails