23 de março de 2012

A Vida Sem Manchete

Os melhores dias são aqueles que vêm sem manchete, embrulhados em papel comum, foi o que ele me disse. Eu olhei meio desconfiado, achando que era preciso, sim, um pouco de luz, um pouco de festa. Devagar fui me acostumando com esta ideia e quando já nem pensava mais no assunto é que me dei conta de que ele tinha razão.
(página 13)

A Vida Sem Manchete é uma série de crônicas, em que o autor, Gilmar Marcílio, expõe suas visões sobre diversos temas: relacionamentos, animais de estimação, crianças, fé; enfim, sobre a vida em si.

O livro é bem mais filosófico do que eu esperava - depois li na aba que o autor, além de escritor, é filósofo. O autor mostra, nas crônicas, diversas reflexões. Não estou acostumada a ler esse tipo de coisa, mas, surpreendentemente, gostei bastante do livro. Me peguei refletindo junto, enquanto lia.

Só achei que o autor foi um pouco repetitivo no tema casais e fidelidade. A maioria das crônicas falavam disso, enfocando sempre na mesma coisa. Poderia ter escrito uma crônica maior sobre esse tema, ficaria menos cansativo.


Primeira crônica, que leva o título do livro

Enfim, é um livro diferente, para quem quer pensar e refletir durante a leitura. Eu experimentei e recomendo.

Nota:

Onde comprar: Saraiva
Related Posts with Thumbnails