19 de julho de 2012

Blue Bloods: Revelações

3º volume da série Blue Bloods. ATENÇÃO! Esta resenha pode conter spoilers do livro anterior da série!

Leia as resenhas dos livros anteriores da série:

1. Vampiros de Manhattan
2. O Baile de Máscaras

Schuyler ergueu a espada de sua mãe e viu reluzir sob o luar a comprida, opaca e mortal haste. Então, levantou-a na direção do inimigo. Correu com toda sua força e arremessou a arma no coração dele.
E errou o alvo.
(página 9)

Schuyler está morando com os Force e encontrando-se secretamente com Jack, apesar de sua União Imortal com Mimi. Enquanto isso, uma força ameaça o Corcovado, no Rio de Janeiro.

Quando peguei esse livro para ler, fiquei super animada. Gostei bastante dos outros livros da série e queria ver como a autora ia escrever sobre o Brasil. Eu nunca fui ao Rio de Janeiro, mas pelo que vejo na mídia, ela acertou mais do que a maioria dos americanos que falam sobre o Brasil, mostrando que realmente pesquisou sobre o lugar antes de escrever. Ela descreve a Cidade Maravilhosa como cheia de contrastes: de um lado a beleza das praias, do outro os crimes e favelas. Porém, já aviso que demora um pouco para os personagens virem para o Brasil; apesar de ter o Cristo Redentor na capa, isso ocorre mais para o final do livro.

Corcovado no Rio de Janeiro (olhares.uol.com.br)

Para mim a história demorou um pouco a engrenar, porque eu não lembrava direito de como tinha terminado o segundo livro - afinal, li há mais de um ano, em Maio/2011. Felizmente há recapitulações ao longo dos primeiros capítulos, que ajudaram bastante. Depois que minha amnésia foi curada, comecei a curtir mais o livro.

Vários mistérios foram solucionados, o que é muito bom, pois mostra que a história caminhou bastante. Agora quero ler o próximo livro, The Van Alen Legacy. Espero que a Editora iD não demore tanto para publicá-lo por aqui!

Outras capas:

Nota:

Onde comprar: Saraiva
Related Posts with Thumbnails