31 de julho de 2012

Switched

A couple things made that day stand out more than any other: it was my sixth birthday, and my mother was wielding a knife. Not a tiny steak knife, but some kind of massive butcher knife glinting in the light like in a bad horror movie. She definitely wanted to kill me.
(página 1)

Quando Wendy tinha apenas 6 anos de idade, sua mãe disse que ela era um monstro e tentou matá-la. Ela foi morar com sua tia e sua mãe foi internada em um hospital psiquiátrico. Hoje, com 18 anos, ela descobre que talvez seja mesmo um monstro, que assumiu o lugar do verdadeiro filho de sua "mãe" após o nascimento.

Switched é um livro que estava há muito tempo na minha lista de desejados - tanto que já tinha falado dele aqui no blog, na seção Quero ver no Brasil. As expectativas estavam bem altas e, felizmente, o livro não me decepcionou!

Wendy é levada por Finn, seu colega da escola, até um novo mundo, onde ela descobre que não é uma humana normal. Nesse ponto, o livro me lembrou muito a série Diário da Princesa, da Meg Cabot, mas com elementos sobrenaturais, pois Wendy tem lições de como agir como outra pessoa. Eu senti falta de descrições maiores do lugar onde eles ficam, como a cidade funciona, mas isso pode ser explicado pelo fato do livro ser em primeira pessoa e a própria Wendy não conhecê-la direito.

A trilogia Trylle

O livro me prendeu bastante! A narrativa é bem fluida e o inglês do livro (ele é inédito no Brasil) não é complicado, facilitando a leitura.

A única coisa que eu não gostei é que o motivo para a troca de Wendy por outro bebê, que achei meio... decepcionante. Esperava algo mais elaborado, já que isso ficou em suspense por uma boa parte do livro.

Fora esse detalhe, eu gostei bastante da história do livro! É o primeiro livro publicado pela Amanda Hocking e já é muito bom. Agora quero ler o próximo livro, Torn. E vamos torcer para que ele seja publicado no Brasil!

Outras capas:

Nota:

Onde comprar: Amazon | Book Depository (ambos em inglês)

30 de julho de 2012

Divulgações Literárias #12


Segunda-feira é dia de conhecer as novidades dos parceiros... E hoje tem bastante coisa! \o/

* A Editora iD está lançando seus livros em formato digital. Saiba mais no site: editoraid.com.br/o-que-ta-rolando/lancamento-dos-livros-digitais


* A Última Casa da Rua é o próximo lançamento da iD. Saiba mais sobre o livro aqui.


* Saco de Ossos, de Stephen King, é o próximo lançamento da Suma de Letras - que será lançado junto da série de TV do canal A&E (já falei dela aqui). Eu já li o livro em inglês e adorei!


* Erick Santos, editor da Draco, foi entrevistado pelo site Meu Herói. Confira aqui.

* Erótica Fantástica é a nova coletânea nacional da Draco. Já está em pré-venda, com desconto e frete grátis, aqui.


* A Harlequin irá lançar exclusivamente em e-book "Estudos sobre fogo", último volume da trilogia de Maria V. Snyder. À venda na Saraiva.


Especial Bienal do Livro de São Paulo

* A autora Valentine Cirano estará na Bienal de SP, dos dias 15/08 até 18/08, em dois stands, o da editora Biblioteca 24 horas, com o livro Impacto Fulminante e também no stand da Companhia das Letras (Rua C50 e Rua C60) com o super lançamento do livro infanto-juvenil A Era dos Dragões. O lançamento e tarde de autógrafos serão no dia 16/08 às 15 horas.  Ela também está lançando o book trailer do livro Impacto Fulminante, no YouTube.


* A autora Graciela Mayrink também confirmou presença na Bienal, no dia 12/8 as 19h, no estande da Editora Delicatta (R78)


* A Novo Conceito divulgou sua programação para a Bienal (clique na imagem para ampliar).

29 de julho de 2012

Essa Semana #31 - 2012

Oi pessoal!

Todo mundo acompanhando as Olimpíadas de Londres? Eu perdi a abertura, mas neste fim de semana consegui acompanhar alguns jogos.

Ontem já publiquei o resultado do sorteio Garotas de Vidro, no próprio post. Vou começar a fazer assim agora, pois quando os sorteios acabavam sempre tinha alguém que não tinha visto o post com o resultado... Assim fica tudo num lugar só.

 E a semana literária, vamos ver como foi? :)



* Estou lendo: Livro da parceira Belas-Letras.


* Li essa semana: Muito legal!


* Resenhei:


* Recebi #1: Livro que troquei com a Rayme, do blog Meu Mundo & Livros.


* Recebi #2: Livro da parceira Lua de Papel.


* Recebi #3: Esse foi uma surpresa, pois não estava esperando mais nada e chegou uma embalagem com um saco plástico preto dentro... O_o Fui ver e era um kit do livro Belo Desastre da Verus!


* Blog parceiro: Novo blog parceiro, visitem!


27 de julho de 2012

Contos de Poe: O Corvo

Contos de Poe é uma coluna em que falo um pouco de um conto ou poema de Edgar Allan Poe. O post anterior foi sobre o conto Os Assassinatos da Rua Morgue.



Once upon a midnight dreary, while I pondered, weak and weary,
Over many a quaint and curious volume of forgotten lore,
While I nodded, nearly napping, suddenly there came a tapping,
As of someone gently rapping, rapping at my chamber door.
" 'Tis some visitor," I muttered, "tapping at my chamber door;
Only this, and nothing more."

O Corvo não é um conto, mas um poema, provavelmente o mais famoso do autor, publicado em 1845. O que mais gosto é a musicalidade dele, que foi mantida na tradução para o português feita por Fernando Pessoa.

Ele já apareceu até nos Simpsons, em um episódio de Halloween.


Os livros de Poe são de domínio público e o poema completo está disponível em português e inglês.

26 de julho de 2012

Estou Com Sorte

Você está, agora, mais equipado do que eu estava para embarcar na aventura do Google, que começou para mim no final de 1999, um ano depois de eu ter entrado na casa dos 40 anos. Eu estava prestes a entrar na crise da meia-idade, mas, ao contrário, encontrei um renascimento.
(página 17)

Douglas Edwards foi o 59º funcionário a entrar no Google. Ele conta, neste livro, como foi sua experiência como diretor de marketing no Google, de 1999 a 2005.

É importante ressaltar uma coisa. Este não é um livro de ficção e, como tal, não é um romance (uma história), mas a descrição do que aconteceu com o autor no período em que ele trabalhou no Google.

Eu comecei a ler este livro super empolgada. Trabalho na área de TI (tecnologia da informação) e, como muitos, já sonhei (ok, ainda sonho) em trabalhar numa gigante da Internet como o Google. Todo mundo conhece a fama: M&M's grátis, academia e lavanderia no serviço, salas de reuniões divertidas... Além, é claro, do fato de se trabalhar no Google, uma super empresa.

Até que li este livro e percebi como uma empresa tão grande exige tanto de seus funcionários. A impressão que ficou é que as pessoas que trabalham no Google não tem vida fora da empresa - por isso eles disponibilizam tantos serviços "grátis" a eles, para que não deixem o complexo. Interessante...

O autor Douglas Edwards (fonte)

Teve alguns termos que achei estranhos, por causa da tradução. Certamente o tradutor não é de TI. Por exemplo, teve um termo que foi traduzido como "sistemas de operação de fontes abertas"; seria mais correto "sistemas operacionais open source", em inglês mesmo, pois muitos termos relacionados a computação não costumam ser traduzidos. Outro exemplo é "crawler", que foi traduzido como "rastreador". Não está errado, mas achei estranho.

Depois de metade do livro, a leitura começou a ficar cansativa... Estava ficando cansada de ler um monte de nomes e fatos, acho que algumas coisas poderiam ser resumidas. A pior parte foi quando o autor começou a falar da entrada do Google no mercado de ações. Não entendo nada de ações e boiei nesse capítulo.

Apesar disso, eu gostei do livro. Não é uma leitura leve; é cheia de informações e acho que se fosse mais técnico eu teria gostado mais, pois estaria mais relacionado à minha profissão. Mas aprendi bastante sobre a história do Google, suas estratégias e como funciona o marketing de uma empresa. Recomendo para os profissionais da área e/ou aqueles que estejam simplemente curiosos pelo assunto.

Outras capas:


Nota:

Onde comprar: Saraiva

25 de julho de 2012

Resenha do leitor: Eu sei o que você está pensando

A resenha de hoje é assinada pela Ananda! Eu já li o livro e gostei bastante. Vamos conferir a opinião dela? Não deixem também de visitar o blog Caderno de Anotações!

Sinopse:
Uma carta perturbadora chega via correio com uma simples declaração ao final: "Veja como conheço seus segredos - apenas pense em um número." Errará quem pensar que uma carta dessas chega a seu destino final apenas por obra do acaso. Para o detetive aposentado da polícia de homicídios da cidade de Nova York, Dave Gurney, que está formando uma nova vida ao lado de sua esposa Madeleine, as cartas começam a deixar de ser estranhas para se tornarem um complicado quebra-cabeça que levará a uma enorme investigação sobre assassinatos em série. Trazido para o caso como consultor, Gurney em pouco tempo percebe pistas que a polícia local deixou passar. Ainda assim, diante de um oponente que parece ter o dom da clarividência, Gurney vê seus esforços irem em vão, seu casamento rumando a um precipício e, finalmente, um medo incontrolável de que seu adversário não pode ser parado.


Uma das coisas que reparo antes e depois da leitura de um livro é a capa e o título. Esse tem a ver, tanto o título em português e inglês que consegue passar a quase essência do livro; quanto a ilustração da capa, uma pegada avessa e alguns números espalhados.

Quando terminei a leitura do livro, não senti que tivesse terminado. Sei lá, parecia que faltava alguma coisa. Igual aqueles filmes que enrolam e enrolam e no final você acha que poderia ter mais coisa, sabe?
Talvez fosse pelas 340 páginas com muitos sentimentos, as partes com detalhes das cenas do crime e as reuniões longas dos agentes com o povo da polícia (capitão, sargentos, tenentes e detetives).

Só tenho uma comparação a fazer: achei esse livro parecido com episódios do CSI, mas ao invés de ser trinta minutos, tinha quase duas horas.
Achei meio entedioso nos primeiros capítulos. Compridos e com bastante detalhes que eu acho que poderiam ser diminuídos. Esses das reuniões, por exemplo.

Mas tirando isso, achei o livro muito bem escrito, empolgante em alguns capítulos e de tirar o fôlego em outros. Ainda mais quando eles descobriam novas pistas que chegariam ainda mais perto do assassino.

Esse livro tem a narrativa na 3ª pessoa. E Verdon conseguiu transmitir todos os sentimentos (sofrimentos pessoais do passado e presente e aflições) do grande protagonista, o detetive aposentado Gurney.
Além de toda a sua lógica na hora de resolver os casos mais difíceis e de grande exposição na mídia.
Sherlock Gurney, assim ele era chamado por seu "amigo" detetive Hardwick, um canastrão de palavriado nada agradável (eu ri em muitos diálogos, quando ele enfiava um palavrão nas frases. Até nas horas tensas).

"O sujeito precisava ser engraçadinho. Isso definia seu lugar no mundo: Hardwick, o Engraçadinho, Unidade de Crimes Hediondos, Bureau de Investigação Criminal, Polícia do Estado de Nova York."

Uma personagem que me encantou foi a Madeleine, esposa de Gurney. Nunca vi uma mulher tão criativa, espontânea e lógica ao mesmo tempo. Seria perfeita pra Gurney, se não fosse pelo fato dela não suportar mais a vida que ele insistia em continuar a ter, mesmo depois de aposentado. É claro que ela se esforçava a entender que isso levaria tempo. Já que ele era considerado um dos melhores detetives na região e redondezas. E com os hábitos de detetive que ele tinha, não seria fácil largá-los de uma vez.

"Gurney imaginou por que uma mulher assim, tão entusiasmada, tão naturalmente esteta no sentido admirável da palavra, uma mulher tão em contato com a glória das coisas, havia se casado com um detetive tão sem espontaneidade e tão cerebral."

Como dizem: por trás de um grande homem, há sempre uma grande mulher.
Juntando as qualidades que eles tinham: ela com sua inteligência, antenada e objetiva e ele com sua lógica, esperteza e experiência, conseguiram desvendar várias dúvidas e pistas sem sentido que transcorreu em metade do livro.

Esse é daqueles livros que você lê alguns trechos e quando descobre o assassino só consegue dizer: Ah! É ele?!
Mesmo o autor dando várias dicas do porquê o assassino fazia aquilo, ele conseguiu manter em segredo até o final quem era esse terrível antagonista.

"A chance de fazer alguma coisa era muito empolgante comparada com a frustração da investigação e com a sensação arrepiante de que qualquer progresso alcançado podia ser parte do plano do inimigo."

Super recomendo o livro pra quem gosta de um bom e bem narrado/detalhado suspense policial. Porque mistura o suspense, o drama e a inteligência bem ao estilo Sherlock Holmes.

Nota:

Sobre a resenhista - Ananda Malheiros:
Nossa que isso é mais difícil de escrever, que naquela época em que se escrevia o Quem Sou Eu do finado Orkut. haha

Não sei muito bem o que gosto de fazer. Acho que gosto de ir pra varanda, pegar um livro e ler sentada numa cadeira de balanço. rs

Tenho o blog Caderno de Anotações, onde tento colocar tudo que posso. Até resenhas, mesmo quando está difícil o tempo de ler.

http://cadernodaananda.blogspot.com.br/ << blog

Gosto de ficar no meu twitter e pirar com as Tags que aparecem, ainda mais as literárias. hehe

https://twitter.com/cad_anota11 << twitter

Bom, acho que é só isso. :)
Se gostarem da resenha, visitem o meu blog, lá tem isso e muito mais!
Beijos!

24 de julho de 2012

Apaixonados - Histórias de Amor de Fallen

Naquela noite haveria dança. Naquela noite a mágica estaria no ar. E, mesmo que fosse a única vez que aquilo acontecesse na longa história de Daniel e Lucinda, naquela noite haveria a alegria especial de passar o Dia dos Namorados com o homem que ela amava.
(página 158)

Este livro faz parte da série Fallen. Esta resenha NÃO contém spoilers dos livros anteriores da série!

Resenhas anteriores:
1. Fallen
2. Tormenta
3. Paixão

Apaixonados contém quatro contos e se passa durante os acontecimentos do terceiro livro, mais especificamente, no dia dos namorados e na época medieval. Cada conto é focado em determinados personagens.

O amor onde menos se espera: é uma história fofa e divertida, com Shelby e Miles querendo ajudar Luce e Daniel a terem o dia dos namorados perfeito.

Lições de amor: sobre o passado de Roland e seu amor perdido.

Amor ardente: sobre Ariane. Acho que esta foi a história mais triste do livro (a segunda mais triste é a do Roland). Além disso, algo interessante nesse conto é que Ariane amou uma mulher. Não me lembro de já ter visto um relacionamento assim num livro YA. E a história delas é linda! Foi o conto que mais gostei.

Amor sem fim: Conto com Daniel e Lucinda. É bonitinha, mas achei um pouco desnecessária já que toda a série Fallen já é sobre eles.

Resumindo, eu gostei bastante dos contos! Achei que, depois de ter me decepcionado com Paixão, não iria mais querer ler nada dessa série. Mas gostei tanto deste livro, que fiquei com vontade de ler o próximo, Rapture. Recomendo para todos que acompanham a série e gostam de histórias românticas, que já acharam seu par ou que sonham em encontrá-lo.

Outras capas:

Nota:

Onde comprar: Submarino

23 de julho de 2012

Divulgações Literárias #12


Segunda-feira, dia de conhecer as novidades dos parceiros do blog ^_~

* Lançamento da Suma de Letras: A Suma divulgou a capa de seu próximo lançamento do autor Marc Levy - "O Primeiro Dia" - que sairá em setembro. Já resenhei um livro dele aqui, Tudo aquilo que nunca foi dito.


* Lançamento da Draco: A editora está cheia de lançamentos (já divulguei aqui no blog), mas esse eu ainda não conhecia e parece ser muito bom!


Brinquedos Mortais, uma coletânea organizada por Saint-Clair Stockler e Tibor Moricz, reúne 12 autores que apresentam universos díspares e, ao mesmo tempo, convergentes, dialogando com o inusitado, o assustador, o cômico e o repulsivo. Burilam seus textos com cuidado cirúrgico, capricham na prosa para oferecer aos leitores uma excelente literatura de entretenimento.
Bonecos cheios de más intenções, brinquedos ameaçadores, jogos estranhos e perigosos. Narrativas onde a morte é uma constante e onde a vida em todas as suas formas está sempre por um fio.
Ataíde Tartari, Braulio Tavares, Brontops Baruq, Carlos Orsi, João Marcelo Beraldo, Lúcio Manfredi, Luiz Bras, Pedro Vieira, Roberto de Sousa Causo, Saint-Clair Stockler, Sid Castro e Tibor Moricz convidam os leitores a penetrar em mundos ameaçadores e a compartilhar essa fascinante e mortal experiência.
(sinopse fornecida pela editora)

* Jogos da Novo Conceito: A editora lançou, em sua página no Facebook, 3 aplicativos relacionados aos seus últimos lançamentos:

22 de julho de 2012

Essa Semana #30 - 2012

Oi pessoal! Tudo bem?

Ganhei um bichinho novo da minha mãe (eu realmente amo bichos de pelúcia)!
Então, dêem as boas-vindas para... Flipper, o Golfinho! ^-^

Passei a semana toda lendo Estou com Sorte. O livro é grosso, mas bem interessante. Ainda esta semana irei publicar a resenha.

Vamos ver como foi essa semana?


* Estou lendo: "Switched" de Amanda Hocking. É YA sobrenatural, estou gostando bastante!


* Resenhei: Coincidentemente, dois "terceiros volumes de séries".



* Recebi: "Clube da Insônia", da parceira Belas-Letras.

* Selinho #1:

Regras:

1. Linkar o blog de quem você ganhou: Ganhei de duas blogueiras queridas! Mila do blog Daily of Books e Lizi do blog O maravilhoso mundo da leitura!
2. Divulgar o selinho
3. Colocar o selo no blog
4. Escolher 10 blogs para presentear
  1. Arte Around the World
  2. Caçadora de Livros 
  3. Etc. e Tals
  4. It Cultura
  5. Lili Escreve
  6. Livros e Atitudes
  7. Livros e Contos
  8. Louca por Romances
  9. Moonlight Books
  10. Thay Priscilla
* Selinho #2:

Recebi da Raquel do blog Space in a Daze! Minhas respostas e indicações estão aqui.

* E por último... Tem sorteio novo no blog, inscrevam-se até sexta-feira!


20 de julho de 2012

Sorteio: Garotas de Vidro


Sorteio novo no blog! Valendo um kit do livro Garotas de Vidro, contendo: livro, marcador e estojo. Para saber o que eu achei do livro, leia a resenha aqui.

Regras para participar:
  • Residir no Brasil.
  • Deixar UM comentário neste post com seu e-mail ou Twitter (ou outra forma de entrar em contato, caso você ganhe).
E pronto! Neste sorteio todos terão a mesma chance de ganhar e ele será feito pelo random.org.

Deixe seu comentário até dia 27/07/2012. O sorteio será feito no sábado, dia 28/7, e o resultado será publicado no dia seguinte. Boa sorte!


Sorteio encerrado!
Confira o ganhador abaixo...


19 de julho de 2012

Blue Bloods: Revelações

3º volume da série Blue Bloods. ATENÇÃO! Esta resenha pode conter spoilers do livro anterior da série!

Leia as resenhas dos livros anteriores da série:

1. Vampiros de Manhattan
2. O Baile de Máscaras

Schuyler ergueu a espada de sua mãe e viu reluzir sob o luar a comprida, opaca e mortal haste. Então, levantou-a na direção do inimigo. Correu com toda sua força e arremessou a arma no coração dele.
E errou o alvo.
(página 9)

Schuyler está morando com os Force e encontrando-se secretamente com Jack, apesar de sua União Imortal com Mimi. Enquanto isso, uma força ameaça o Corcovado, no Rio de Janeiro.

Quando peguei esse livro para ler, fiquei super animada. Gostei bastante dos outros livros da série e queria ver como a autora ia escrever sobre o Brasil. Eu nunca fui ao Rio de Janeiro, mas pelo que vejo na mídia, ela acertou mais do que a maioria dos americanos que falam sobre o Brasil, mostrando que realmente pesquisou sobre o lugar antes de escrever. Ela descreve a Cidade Maravilhosa como cheia de contrastes: de um lado a beleza das praias, do outro os crimes e favelas. Porém, já aviso que demora um pouco para os personagens virem para o Brasil; apesar de ter o Cristo Redentor na capa, isso ocorre mais para o final do livro.

Corcovado no Rio de Janeiro (olhares.uol.com.br)

Para mim a história demorou um pouco a engrenar, porque eu não lembrava direito de como tinha terminado o segundo livro - afinal, li há mais de um ano, em Maio/2011. Felizmente há recapitulações ao longo dos primeiros capítulos, que ajudaram bastante. Depois que minha amnésia foi curada, comecei a curtir mais o livro.

Vários mistérios foram solucionados, o que é muito bom, pois mostra que a história caminhou bastante. Agora quero ler o próximo livro, The Van Alen Legacy. Espero que a Editora iD não demore tanto para publicá-lo por aqui!

Outras capas:

Nota:

Onde comprar: Saraiva
Related Posts with Thumbnails