4 de abril de 2013

Chama Negra

4º livro da série Os Imortais. Resenhas anteriores:

1. Para Sempre
2. Lua Azul
3. Terra de Sombras

Atenção! Esta resenha pode conter spoilers dos livros anteriores da série!

Ela me olha, sobrancelhas erguidas, desesperada para sair do carro e se afastar de mim.
- E se está falando sério sobre me compensar por ter transformado você em imortal...
Nossos olhares se encontram.
- Então, Roman tem algo que realmente preciso que você pegue.

Ao tentar desfazer o feitiço, Ever acaba se amarrando a seu maior inimigo, Roman. Será que ela conseguirá resistir a ele, ao mesmo tempo que tenta salvar seu futuro com Damen?

Eu quase desisti da leitura desse livro. Até a metade, o livro foi basicamente Ever tentando lutar contra a tentação de ficar com Roman e ela e Haven discutindo. Ever estava completamente perdida, sem saber o que fazer, mas também sem buscar a ajuda dos outros. Eu até fiquei com dó do Damen, que ficou jogado de lado o livro inteiro. Para mim amor tem muito a ver com confiança, e não entendo como ela pode dizer que o ama, se não confia nele para qualquer coisa.

Porém, quando eu estava prestes a desistir, uma personagem reapareceu... E aí o livro ficou bem melhor! Ever começou a pensar melhor sobre seus atos e pensamentos. Foram apresentadas lições que devem servir a todos, inclusive a nós, leitores: não ficar remoendo pensamentos negativos, não fazer o mal, perdoar, e como a mudança em nosso modo de pensar pode afetar nosso interior e exterior.

Parecia que tudo ia terminar bem, mas o final foi completamente diferente do que eu esperava. Então, quero  ler o próximo livro para saber como vai continuar!

Outras capas (a maioria bonitas, mas as últimas são bem estranhas):


Nota:

Onde comprar: Submarino
Related Posts with Thumbnails