19 de dezembro de 2013

Morra por mim



Jeanne dissera que ter me conhecido havia transformado Vincent. Eu lhe dera "vida nova". Mas teria ele a expectativa de que eu salvassse sua alma?

Depois de duas visitas à Saraiva namorando este livro, na terceira vez acabei comprando-o. Confesso: comprei sem saber do que se tratava nem ler a contra-capa, simplesmente porque me apaixonei pela capa. Que bom que a história também é linda!

Após perder os pais num acidente de carro, Kate (16) e Georgia (18) se mudam dos Estados Unidos para Paris, para morar com seus avós. Kate está com depressão mas decide aceitar a sugestão de sua irmã de sair de casa, e começa a frequentar um café para ler, onde repara em três garotos atraentes.

Kate os encontra novamente quando sai para caminhar com Georgia, em uma noite de insônia, e os vê salvando uma garota que estava se jogando de uma ponte. Um dos garotos se aproxima dela e se apresenta como Vincent. E logo o cara misterioso não sai mais de sua cabeça...

Comecei o livro achando que era uma história de vampiros, depois pensei que era de anjos, e no final se revelou algo bem diferente de todos os romances sobrenaturais que já li. Eu gostei bastante da história de Morra por mim. Mas, fora Kate, não senti conexão com nenhum dos outros personagens... Porém, a história é muito legal e é um romance diferente.

O livro não deixa gancho para uma continuação - milagre, uma história que realmente termina. Mas depois descobri que é uma série, que já tem mais dois livros publicados no exterior. Eu gostei bastante do universo do livro e não vejo a hora de poder ler as continuações também.

Outras capas:


Nota:

Onde comprar: Saraiva
Related Posts with Thumbnails