18 de março de 2014

Belezas Perigosas


21 de junho de 1895
Bombaim, Índia.

- Por favor, diga-me que isto não vai fazer parte do meu jantar de aniversário hoje à noite.
Estou olhando para a cara de uma serpente.

Depois de Os Videntes, estava ansiosa para ler outro livro da Libba Bray. Então aproveitei que este livro eu já tinha e fazia parte da minha meta de leitura deste ano. Mas, apesar de também ter elementos sobrenaturais, não gostei tanto de Belezas Perigosas quanto do outro livro.

Após presenciar o suicídio de sua mãe na Índia, Gemma Doyle é enviada para Londres, para estudar na escola de meninas Spence. Mas ela tem estranhas visões e quer descobrir a verdade sobre a morte da mãe.

O livro começa como qualquer outra história de menina nova no colegial: há uma menina isolada, várias irritantes que pregam peças... Eu achei essa parte bem cansativa, afinal, era "mais do mesmo" (apesar de ser no final do século 19).

As 4 amigas (cena do booktrailer)

A história começou a ficar mais interessante quando Gemma e suas novas amigas começam a aprofundar-se no uso de magia. Depois disso ainda há algumas partes meio enroladas, até chegar no final, que foi ótimo!

Este é o primeiro livro de uma trilogia, e isso explica bastante por que achei-o tão enrolado. Parece que a história só começa mesmo quando o livro termina. Outro ponto é que não consegui gostar de nenhum personagem. Apesar disso, a história ainda pode tomar vários rumos interessantes, e só lendo o próximo livro - Anjos Rebeldes - para descobrir.

Outras capas:


Nota:

Onde comprar: Submarino
Related Posts with Thumbnails