27 de maio de 2014

Le Monde Bizarre


O circo dos horrores já está chegando. Já posso ouvir a música e as gargalhadas sinistras. O choro dos torturados e os gemidos sufocados de algumas pobres atrações.

O circo comandado por Monsieur Serge Tissot não é um circo comum... É o Le Monde Bizarre, um circo de bizarrices que, por onde passa, deixa um rastro de destruição.

Já o livro Le Monde Bizarre é um apanhado de 14 contos relacionados ao pior espetáculo da Terra. Não o recomendo aos fracos de estômago, pois os contos são bem assustadores. Meus contos preferidos foram Sinfonia dos Mortos, de Pedro de Almada, e O Garoto de Ferro, de Lucas Lourenço. O primeiro pela originalidade - achei a ideia de seres humanos misturados a instrumentos musicais bizarramente genial. Já o segundo, por mostrar como a violência doméstica por destruir uma vida inocente - e fazê-la se juntar ao circo de Tissot.

Porém, o problema de ter tantos contos sobre o mesmo mundo, por autores diferentes, é que eles começam a ser repetitivos. Vários contos começam com o deslumbramento / asco causado pela chegada do circo a alguma cidade, e eu só pensava: "ok, já li isso, vamos para a próxima parte". Isso deixou o livro cansativo.

Preciso dizer que a edição da Editora Estronho (que agora se chama Página 42?) está perfeita, com ilustrações em preto-e-branco, impressão em papel reciclado e folhas pretas com fonte branca no começo do livro.


Enfim, eu gostei da maioria dos contos, principalmente no começo, pois do meio para o final o livro ficou cansativo. Só não recomendo lerem antes de dormir.

Nota:

Onde comprar: Página 42 (impresso) ou Amazon (e-book)

Este livro faz parte do Desafio dos Livros Encalhados 2014.
Related Posts with Thumbnails