4 de julho de 2014

Trecho: Nosferatu

– Ele estava com os olhos abertos – replicou Ellen. – Ele olhou para mim. Sabia o meu nome. Sabia o nome do meu filho.

– A senhora já conversou com outra enfermeira perto dele? Não há como saber o que o cara pode ter pescado inconscientemente. Basta a senhora ter dito: “Ah, sabia que o meu fi lho ganhou o concurso de soletrar?”

Manx escutou e regurgitou essa informação no meio do sono.

Ellen aquiesceu, ainda que pensasse Ele sabia o segundo nome do Josiah.

Tinha certeza de que nunca mencionara isso a qualquer pessoa ali no hospital. “Tem um lugar para Josiah John Thornton lá na Terra do Natal”, dissera Charlie Manx, “e um lugar para você na Casa do Sono”.

– Eu não cheguei a aplicar o sangue – avisou Ellen. – Ele está anêmico há algumas semanas: pegou uma infecção urinária por causa do cateter. Vou buscar outra bolsa.

– Pode deixar que eu aplico o sangue neste vampiro velho. A senhora levou um susto e tanto. Esqueça tudo isso. Vá para casa. Falta o quê, uma hora do seu plantão? Pode ir embora mais cedo. Tire folga amanhã também. Não tem umas comprinhas de última hora para fazer? Então, pare de pensar no que aconteceu e relaxe. É Natal, enfermeira Thornton. – O médico deu uma piscadela. – A senhora não sabe que esta é a época mais maravilhosa do ano?


Este foi um trecho de Nosferatu, próximo livro do Joe Hill a ser publicado pela Editora Arqueiro, com lançamento previsto para 08/07. Eu quero muito ler! E vocês?

Related Posts with Thumbnails