18 de novembro de 2014

Jogador Nº 1

Todas as pessoas de minha idade se lembram de onde estavam e o que estavam fazendo quando ficaram sabendo a respeito do concurso. Eu estava sentado em meu refúgio assistindo desenhos quando o boletim de notícias surgiu em meu vidfeed, anunciando que James Halliday havia morrido durante a noite.

Em 2044, o mundo é um lugar horrível. Wade Watts, assim como a maioria das pessoas, tem como válvula de escape o mundo de realidade virtual OASIS. Então seu criador, James Halliday, morre e ao mesmo tempo inicia uma caça ao tesouro dentro do OASIS. O ganhador leva toda sua fortuna, estimada em nada menos que 240 bilhões de dólares. E Wade está disposto a consegui-la.

Vocês se lembram do Second Life? Era um mundo virtual, tipo um The Sims online. O OASIS é mais ou menos isso, mas muito melhor e com elementos de jogos de RPG. A tecnologia avançou tanto que é possível até sentir os cheiros. É incrível!

A maior parte do livro é passada no OASIS, afinal, é lá que estão as pistas para pegar a fortuna de Halliday. E também em... referências dos anos 1980! Wade devora tudo sobre os livros, filmes, séries, músicas e games dos anos 1980, pois foi a década preferida de Halliday. A maioria das referências de games precisei pesquisar na internet (nasci em 1984 e só fui jogar videogame na época do NES), mas os filmes e músicas eu conhecia e foi muito legal encontrá-los nas páginas do livro. Tem tantas referências que ainda quero escrever posts específicos sobre elas aqui no blog.


A narrativa é cheia de ação e viciante. Quando não estava lendo, ficava procurando as referências na internet e discutindo o livro com o meu marido (que leu antes de mim). E, claro, fiquei morrendo de vontade de entrar no OASIS!

A única parte do livro que não curti muito foi alguns pontos da tradução. Existem termos que não costumam ser traduzidos por quem os conhece, como easter eggs (que são coisas escondidas em jogos e outros aplicativos) e Advanced Dungeons & Dragons (um RPG). Mas apareciam no livro como "ovos de Páscoa" e "Dungeons & Dragons Avançado".

Com uma história que nos mantém grudados ao livro, Jogador Nº 1 é essencial para entusiastas de videogame e dos anos 1980. Recomendo!

Outras capas:


Nota:

Onde comprar: Amazon | Submarino

Este livro faz parte do Desafio dos Livros Encalhados 2014.

Créditos das imagens: capas - Goodreads; fanart - AlexielApril.
Related Posts with Thumbnails