21 de junho de 2016

Mil Pedaços de Você

E então cai a ficha: o Firebird realmente funciona. É possível viajar entre dimensões paralelas. Acabei de provar isso.

Marguerite Caine é a filha adolescente de dois físicos brilhantes. Tão brilhantes que eles inventaram o Firebird, um dispositivo capaz de transportar uma pessoa para outra dimensão. Porém, seu pai é assassinado, e o principal suspeito é Paul Markov, que trabalhava com eles e fugiu para outra dimensão. Junto com o também cientista Theo, Meg usa o Firebird com um único objetivo: matar Paul Markov.

Primeiro, podemos falar dessa capa? Ela é tão linda! Me apaixonei por ela no instante em que vi esse livro e precisava tê-la na minha estante. Fora isso, eu nunca havia lido nenhum livro da autora, Claudia Gray, mas já tinha lido várias resenhas positivas de outra série dela (Evernight). Enfim, decidi arriscar.

Já adianto que Mil Pedaços de Você é uma história de ficção científica mas com fortes elementos românticos. E tem triângulo amoroso (pra variar). Então, se você não curte romance, dificilmente irá gostar desse livro.

Como eu amo um bom romance e também gosto de ficção científica, eu adorei! Meg é uma protagonista do jeito que eu gosto: forte, inteligente e decidida (a não ser quando o assunto é amor, claro). Ela também é muito próxima de sua família, e sua busca pelo assassino do pai através das dimensões reforça isso.


Eu acho que esse livro não precisava de uma continuação, dava para ter resolvido tudo em um livro só... Porém, é uma trilogia. O segundo livro, Dez mil céus sobre você, foi publicado agora em junho pela Agir Now. E, como a capa dele também é maravilhosa, vou precisar ter.

Outras capas:


Nota:
Related Posts with Thumbnails