12 de maio de 2017

Tropas Estelares

Sempre fico com os tremores antes de uma queda. Tomei as injeções, é claro, e a preparação hipnótica, e por isso é lógico que não posso estar com medo de verdade.

Eu não conhecia Robert A. Heinlein até assistir o filme O Predestinado no Netflix (eu sei, falha minha). Ele é baseado no conto All You Zombies desse autor, e me deixou de boca aberta - se você gosta de ficção científica, assista!

Quando terminei, decidi: precisava ler tudo que ele escreveu. Para começar, comprei o livro Tropas Estelares na Amazon, já que ele é bem conhecido e já teve até filme (comento mais adiante sobre isso).

E sobre o que é este livro?

Assim que sai da adolescência, Juan "Johnny" Rico se alista no exército, influenciado por um amigo e contrariando seus pais. Ele deixa a família e vai passar por um difícil treinamento militar, para aprender a ser um soldado. O que o exército, mais especificamente a Infantaria Móvel, faz? Basicamente vai para outros planetas, exterminar insetos gigantes.

Cena do filme homônimo (créditos)

Quando leio algum clássico, gosto de ler também sobre a época histórica na qual ele foi publicado, pois isso sempre explica muitos aspectos do livro. No caso de Tropas Estelares, foi publicado em 1959, quando um militar estava na presidência dos Estados Unidos (Dwight Eisenhower). O maior tema do livro é o militarismo. Inclusive, o livro foi indicado pelo exército americano.

Não acho legal glorificar a guerra, mas mesmo assim gostei do livro. As melhores partes foram as discussões de Rico com seu professor, em flashback. São diálogos interessantes, polêmicos e que fazem pensar.

O livro já teve uma adaptação para o cinema. Eu não assisti, mas conversei com alguém que assistiu e não parece ser uma adaptação fiel. Um exemplo: uma das coisas mais importantes na trama é que os soldados usam uma espécie de armadura (pense em Iron Man), que os torna invencíveis. Como os produtores do filme não tinham dinheiro para pagar os efeitos especiais, simplesmente cortaram isso!

Tropas Estelares é um clássico da ficção científica que, mesmo tantos anos depois do lançamento, vale a pena ser lido. Há diversos pontos que continuam universais e atuais. Pois, como Rico irá aprender, a guerra nunca acaba.

Outras capas:


Nota:
Related Posts with Thumbnails