26 de agosto de 2016

Trecho: O Feiticeiro de Terramar


A ilha de Gont, uma montanha solitária cujo cume está 1,5 quilômetro acima do tempestuoso mar Nordeste, é uma região famosa por seus feiticeiros. Dos povoados nos vales altos e dos portos com suas baías escuras e estreitas, mais de um gontês partiu para servir como feiticeiro ou mago aos Senhores do Arquipélago em suas cidades ou em busca de aventura, para praticar a magia de ilha em ilha, por toda a Terramar. Destes, alguns dizem que o maior feiticeiro e, sem dúvida, o maior viajante foi o homem chamado Gavião, que em sua época se tornou ao mesmo tempo Senhor dos Dragões e arquimago. Sua vida é narrada nas Gestas de Ged e em muitas canções, mas esta é uma história de quando ele ainda não era famoso, antes de as canções serem compostas.

Leia mais...

E assim começa o livro O Feiticeiro de Terramar, de Ursula K. Le Guin, que logo chega ao Brasil pela Editora Arqueiro! Confesso que estou louca para ler esse livro... E vocês?

24 de agosto de 2016

Quero ver no Brasil: The Scourge

Quando uma praga letal varre a terra, Ani Mells fica chocada quando ela é inesperadamente capturada por guardas do governador e forçada a submeter-se a um teste para o flagelo mortal. Ela fica ainda mais surpreso quando os resultados dos testes são positivos, e é enviada para Attic Island, uma antiga prisão transformada em refúgio - e colônia de quarentena - para o doentes. As vítimas do flagelo, Ani agora entre eles, só podem esperar viver vidas dolorosas e curtas nesse lugar. No entanto, Ani rapidamente descobre que ela não sabe toda a verdade sobre o flagelo ou a Colônia. Ela foi pega em um enredo tortuoso, e, com a ajuda de seu melhor amigo, Weevil, Ani quer descobrir o que está realmente acontecendo.

Mas ela e Weevil irão sobreviver o tempo suficiente para fazê-lo?

(Sinopse traduzida por mim do Goodreads)

Adoro livros young adult, e quando eles tem uma capa bonita assim chamam ainda mais a atenção! Também gostei da sinopse do livro, pois adoro distopias e personagens que precisam lutar contra o sistema. Já estou na torcida para que The Scourge (a praga) seja publicado por aqui!

23 de agosto de 2016

Somente Para Você

Uma cerveja? Será que aquele dono de bar metido a Rambo achava que uma cerveja iria consertar a confusão em que a metera? Beth Hansen fechou as mãos em punhos para se impedir de pular o balcão de sacudir aquele homem como um martíni.

Quando Kevin Kowalski acerta o nariz do chefe de Beth em seu bar, já previa que aquela não era uma mulher comum. Surge uma atração entre os dois, porém nada acontece - afinal, ele realmente quebrou o nariz do chefe dela!

Durante a festa de casamento de seu irmão, Kevin e Beth voltam a se encontrar, e acabam dormindo juntos... Mas Beth foge durante a noite. Três semanas depois, ela descobre que está grávida, e vai precisar da ajuda de Kevin se quiser cuidar bem de seu bebê.

Impossível não se apaixonar por Kevin Kowalski! Além de lindo (é óbvio), ele é um fofo. Está sempre preocupado com Beth e o bebê. Em momento algum ele teve dúvidas de que era filho dele. Pelo contrário, ele não surtou com a notícia e se mostrava sempre atento aos dois.

Já Beth... Ah, essa me irritou! No começo achei legal ela ser super independente e não aceitar ajuda de ninguém. Mas ela vai ter um filho dele e ele se mostra ansiosa para ajudar, só que ela não deixa. Está na cara que Kevin não está fazendo as coisas por obrigação, que ele gosta dela de verdade, mas Beth demora séculos para admitir seus sentimentos e deixar ele ajudá-la.


Achei bem mais interessante a história do casal secundário do livro, Paulie e Sam. Paulie trabalha no bar de Kevin e fugiu de seu passado, até que Sam aparece no bar... E ele é ninguém menos do que o noivo que ela largou no altar.

Eu adorei a família Kowalski e tem toda uma série de livros dela (são 9 livros!). Somente Para Você é o segundo livro, porém li sem ler o anterior e não tive problemas. É um romance leve e descontraído. Vale a pena pelo Kevin, que é um amor, bem diferente dos machistas e abusivos que (infelizmente) encontramos na maioria dos romances por aí.

Outras capas:


Nota:

Livro cedido para resenha pela Harlequin.

21 de agosto de 2016

Sorteio: Perdendo-me + Fingindo


Um ganhador irá receber os livros Perdendo-me e Fingindo, de Cora Carmack, publicados pela Novo Conceito + marcadores diversos.

Leia as regras e se inscreva pelo Rafflecopter abaixo ;)

Regras:

1. Possuir endereço de entrega no Brasil.

2. Inscrever-se até 02/09/2016 23:59:59, de acordo com os passos descritos no Rafflecopter abaixo. Os únicos passos obrigatórios são: cadastrar-se com o nome e e-mail e comentar neste post. Todos os outros são opcionais.

3. O resultado será divulgado nesta mesma postagem em até 5 dias úteis após o término das inscrições. O vencedor será avisado por e-mail e terá 48 horas para responder o contato. O prêmio será enviado pelo blog Meu Jardim de Livros em até 45 dias após a divulgação do resultado. Informaremos o código de rastreio dos Correios e será responsabilidade do ganhador fornecer seu endereço corretamente e assegurar-se de que haja alguém em casa para receber a encomenda. Não nos responsabilizamos por danos, demora ou extravios durante o transporte. Esta atividade é recreativa e a participação é voluntária e gratuita. Ao se inscrever, o participante declara concordar com as regras aqui descritas.

a Rafflecopter giveaway

19 de agosto de 2016

O Eterno Namorado

Continuação de Um Novo Amanhã e 2º livro da trilogia A Pousada.
Esta resenha NÃO tem spoilers do livro anterior da série!

Uma lua cheia de inverno brilhava sobre as pedras antigas e os tijolos da pousada que ficava na praça. Sob o luar, as varandas novas e os gradis reluziam, e o cobre do telhado chegava a faiscar. Ali, o velho e o novo - o passado e o presente - se misturavam num casamento sólido e feliz.

A trilogia A Pousada conta em cada livro a história de um dos irmãos Montgomery e de sua pousada Boonsboro. Agora ela está prestes a ser inaugurada e Owen volta a ser atraído por sua primeira namorada, Avery MacTavish, a dona da pizzaria da frente.

O segundo livro não é tão bom quanto o anterior, mas ainda assim é muito bom. Todos os personagens são ótimos, a gente sente vontade de estar lá com eles! E a pousada ficou linda!!! Eu fiquei passeando por ela na minha imaginação, me imaginando dormindo em uma de suas suítes luxuosas. Que vontade de ir para lá de verdade!

Owen é fofo demais, ele sempre teve certeza de que ficaria com Avery, desde os cinco anos de idade. Eu gostei da Avery, mas ela também me irritou em alguns momentos, principalmente quando ele não fazia nada de errado e ela ficava relutante em ficar com ele, sendo que estava na cara que ela sempre gostou dele.

Apesar disso, eu senti falta de um pouco mais de conflito na história. Aconteceu uma briga entre os dois e só, que foi resolvida rapidamente. Talvez seja a maldição do livro nº 2, que acaba servindo como o meio da história e no qual nada se resolve.


Foi bom voltar para a cidade de Boonsboro e rever Beckett, Clare, Ryder e Hope. Estou curiosíssima, também, para saber como a história da nossa querida fantasma, Lizzy, irá se desenrolar. Fico na expectativa para o próximo livro, O Par Perfeito, que deve ser lançado em breve pela Arqueiro.

Outras capas:


Nota:

Livro cedido para resenha pela Editora Arqueiro.
Related Posts with Thumbnails