23 de novembro de 2017

Mago e Vidro (releitura)

4º livro da série A Torre Negra.
Atenção! Esta resenha contém spoilers dos livros anteriores da série!

Resenhas anteriores:
1. O Pistoleiro
2. A Escolha dos Três
3. As Terras Devastadas

Abriu a boca para dizer alguma coisa - uma tirada especial de Eddie Dean, algo que fosse ao mesmo tempo engraçado e mordaz, o tipo de comentário que sempre costumava deixar seu irmão Henry fora de si - e tornou a fechá-la. Talvez o sujeito velho, alto e feito tivesse razão; talvez fosse a hora de dispensar os gracejos e as piadas infames. Talvez finalmente tivesse chegado a hora de virar um adulto.

O ka-tet de Roland - composto por Eddie, Susannah, Jake e Oi - continua no Mono Blaine, cada vez mais próximo de Topeka. Fazem muitas adivinhações e o trem continua acertando todas.

Porém, isso não é tão importante agora. A maior parte de Mago e Vidro conta a história do passado de Roland, quando ele ainda era um adolescente, e seu relacionamento com Susan Delgado. Quem disse que Stephen King não consegue escrever uma história de amor?

Pássaro e urso e lebre e peixe (créditos)

Eu já tinha lido esse livro, há muitos anos. Apesar de ter esquecido vários detalhes, como as piadas do Mono Blaine e a chegada no palácio de vidro, o final da história de Susan e Roland continuava fresco na minha cabeça, pois ele me marcou. Foi um sofrimento ler essa parte do livro novamente, pois não queria passar por tudo aquilo de novo. Sofri de novo, mas valeu a pena reler.

Algo divertido na série A Torre Negra é encontrar referências para outros livros. Mago e Vidro possui várias referências a O Mágico de Oz, cujo filme assisti quando era criança e quero ler o livro em breve. Também têm uma referência a Dança da Morte, outro livro de Stephen King, que ainda não li (mas vi a minissérie anos atrás).

Se você chegou até aqui, é ka. Continuem no Caminho do Feixe da Luz, pistoleiros.

Outras capas:


Nota:

10 comentários:

  1. Não é de todo um autor que aprecie, por causa do género literário. :)

    MRS. MARGOT

    ResponderExcluir
  2. muito bom reler um livro, né Sora. Temos uma nova visão
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Acredita que ainda....ainda não li nenhum livro deste autor?!
    E agora ele está entrando super em alta, né...
    Beijos
    5 O'clock Tea

    ResponderExcluir
  4. Oi! O gênero literário não é meu favorito. Mas fico feliz pelos inúmeros elogios ao autor, é bom ler conteúdos de qualidade. Bjos ❤

    Click Literário

    ResponderExcluir
  5. Oi Sora, tudo bem?
    Ainda não conhecia, valeu pela dica!
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
  6. Oi Sora,
    Ah, eu só tenho o primeiro por aqui e nem sei quando vou ler haha
    Deve ser melhor iniciar a leitura, com parte da série completa.
    Adoro essas referências que o King faz.

    tenha um ótimo final de semana =D
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  7. Oi Sora, tudo bem? Agora que li O bazar dos sonhos ruins e estou lendo Belas Adormecidas, perdi um pouco do medo do King. Espero poder ler A Torre Negra logo!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  8. Oi Sora! Também não li Dança da Morte, quero conferir em 2018 assim como esta série. Eu li um livro este dias baseado no Mágico de Oz e desde então estou doida para rever o filme. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  9. Olá! Tudo bem?
    Não conhecia essa coleção, vou procurar pra ler por aqui.
    Obrigada por comentar lá no meu blog.
    Volte sempre!

    Bjo,
    miiistoquente~

    ResponderExcluir
  10. Oi Sora,
    Essa série parece ser interessante, mas como não sou muito fã do gênero, não sei se leria, mas tenho curiosidade de ver a adaptação.

    *bye*
    Marla
    https://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Olá!
Agradeço muito pelo seu comentário!
Logo irei retribuir sua visita. :)

(Comentários que não estejam relacionados à postagem e contenham apenas propaganda serão excluídos)

Related Posts with Thumbnails